Advogada

Advogada que denunciou estupro renuncia a cargo na OAB-SE

Blog Demais Estados Nordeste

Após Bruna Hollanda denunciar que um colega advogado a estuprou, ela anunciou sua renúncia ao cargo de conselheira da Ordem dos Advogados do Brasil em Sergipe (OAB-SE). Bruna comunicou a decisão durante uma transmissão ao vivo em uma rede social na noite de segunda-feira, 18 de março.

Bruna Hollanda justificou sua renúncia devido à falta de acolhimento por parte da OAB-SE desde que o caso veio à tona, após um bloco pré-carnavalesco em janeiro, na Zona Sul de Aracaju. Ela expressou sua indignação com a postura da instituição, mencionando falta de respeito, machismo e ausência de apoio institucional.

A advogada então declarou: “Sou mulher, sou advogada, sou mãe, fui violentada covardemente, sou vítima de estupro, fui dilacerada no corpo, na alma e socialmente (…) Continuei calada e firme aguardando o acolhimento institucional que não tive até hoje”.

Enquanto isso, a defesa do advogado suspeito, também conselheiro da OAB-SE, afirmou que ele já prestou depoimento à polícia e que encontrou contradições no depoimento da vítima. A defesa planeja se pronunciar sobre o caso após o término do inquérito. O advogado denunciou vazamentos de documentos à Corregedoria do Tribunal de Justiça e da Polícia Civil.

O inquérito do Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) está em fase final de conclusão, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública.

A denuncia da advogada

Relembrando os eventos, Bruna Hollanda relatou que ela pediu uma carona ao suspeito após o bloco pré-carnavalesco, mas ele a levou até o apartamento dele, onde teria sido estuprada. Após alguns dias, ela procurou atendimento médico e registrou o caso no DAGV.

A OAB-SE afirmou, à época da denúncia, que afastou o suspeito do conselho, abriu um processo ético-disciplinar e acolheu a vítima. Durante uma coletiva de imprensa, a instituição ressaltou que, se o estupro for comprovado, o suspeito poderá perder o direito de exercer a advocacia.

Blog do Halder

1 thought on “Advogada que denunciou estupro renuncia a cargo na OAB-SE

  1. MAL POSSO ACREDITAR NO QUE ACABEI DE LER… LOGO A OAB (??) INSTITUIÇÃO RENOMADA, QUE DEVERIA DAR TOTAL APOIO A COLEGA!?
    SE, A INSTITUIÇÃO OAB, SE COMPORTA DESSA FORMA, A QUEM PODEMOS RECORRER E PEDIR APOIO, GENTE!?!?!?!
    ESTOU PASMO!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *